Ásia 2010

As fotografias desta série foram realizadas em 2010 em uma viagem por China, Vietnã, Laos, Camboja, Tailândia, Nepal e Índia. Foram realizadas com uma point-and-shoot Cyber-shot, em uma época anterior ao meu início como fotógrafo profissional. Possuem um valor especial para mim, por terem sido o ponto de partida de muitas das experimentações e reflexões que me acompanham até hoje, além de marcarem o momento em que decidi trabalhar profissional e artisticamente com criação de imagens.

Muitas destas fotografias foram produzidas sem olhar pelo visor da câmera, em geral apontando o equipamento com as mãos na altura da cintura. O exercício me permitia observar as cenas sem o intermédio da câmera, criando um enquadramento baseado fortemente na intuição que colocava o meu próprio corpo como uma ferramenta criativa. O procedimento me permitia ser discreto, ao mesmo tempo em que podia registrar cenas que aconteciam muito rápido. Adicionalmente, elas também destacam a grande potência em se realizar imersões e associar a produção de fotografias com processos pessoais de vida (eu carregava a câmera comigo literalmente 24 horas por dia). Por fim, são um lembrete de como equipamentos podem se tornar irrelevantes quando se têm um desejo e uma curiosidade genuínos pelos temas e processos fotográficos.